é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 11 de janeiro de 2019 às 15h27

Nilton revela redução em 30% do salário para seguir no Esquadrão

"O meu ciclo no Bahia tinha que continuar", afirmou o jogador

Victor de Freitas

2019-01-11-15-18_capanilton29
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

O volante Nilton foi um dos jogadores que renovaram contrato com o Bahia para a temporada de 2019 em uma negociação que durou o mês de dezembro inteiro e foi oficializada apenas nesta semana.

Entrevistado do dia no Fazendão, Nilton falou sobre o processo de renovação com o Esquadrão e confirmou ter reduzido cerca de 30% de seus vencimentos mensais.

Apesar de receber menos do que em 2018, o volante afirma que sempre quis permanecer no Bahia e a confiança do técnico Enderson Moreira em seu futebol como principal fator para ter conseguido seguir no clube.

“Essa minha renovação foi uma renovação meio longa de se concretizar. Foi o mês de dezembro todo a gente tentando finalizar essa novela mexicana. Os torcedores também reconheceram o quanto eu queria permanecer. Nas redes sociais todo mundo mandando que queria que eu renovação. Acabei reduzindo 30% do meu salário. Algumas coisas que também cabiam dentro do contrato, preferi abrir mão para permanecer. O meu ciclo no Bahia tinha que continuar. A forma como foi o começo, eu não fiquei bem comigo mesmo. No segundo semestre consegui ter algumas atuações com a chegada do Ederson. Sou muito grato a ele. Sabia em 2018 eu poderia ter feito mais, mas acho que na minha concepção, temos tudo para fazer uma história totalmente diferente, fazer um começo melhor, um meio e um fim mais feliz ainda”, disse o jogador.

“No Ba-Vi, o Enderson chegou até a conversar que não sabia arte de números de meu contrato, mas que tinha o interesse que eu permanecesse. Isso me deu mais vontade de querer ficar, ele viu que eu poderia agregar mais ainda no começo da temporada. Muito importante sempre estar trabalhando, respeitando o companheiro, mas brigando por uma posição para ajudar. Posso ser um cara bem rodado, por várias equipes grandes, mas hoje meu objetivo maior é tentar conquistar mais títulos ainda. Todo ano a gente vai conquistar títulos. Ano passado deixamos escapar uma Copa do Nordeste, mas esse ano, se Deus quiser, a gente vai tentar não cometer os erros que cometeu no ano passado”, acrescentou.

Com Gregore, Elton, Flávio e Yuri como concorrentes por posição, Nilton destacou que busca trabalhar firme na pré-temporada para se manter em um nível alto durante o ano.

Nilton também avaliou a manutenção da base do elenco e de Enderson para 2019.

“Acho que o mais importante de um clube é tentar manter o técnico, até pela filosofia, os trabalhos. Ano passado foram umas 20 contratações, esse ano foram 10. Conseguiu manter uma boa parte dos atletas. Os que saíram foram que tiveram um bom destaque individual, que não conseguiu segurar. Muito bom Enderson colocar o trabalho dele desde o começo, ter tempo para trabalhar. Fazendo uma boa pré-temporada, vendo as características, é importante. Quem acaba chegando, o clube acolhe da melhor maneira. Temos tudo para ter uma temporada de glórias, de conquistas se seguir todo o planejamento”.

O Bahia vai estrear em 2019 na próxima quarta-feira (16), contra o CRB, pela Copa do Nordeste.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.