é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Coluna

Caio Vasconcelos
Publicada em 25/09/2018 às 22h08

Minha Análise - Vasco 2x1 Bahia

Meus Amigos,

 

Ontem em São Januário o Bahia lutou bravamente, mas foi novamente derrotado em partida válida pelo Brasileiro.

 

O início do jogo do Tricolor foi avassalador. Nos primeiros 05 minutos de jogo já havíamos criado 03 oportunidades nítidas de gol, com grandes intervenções do arqueiro uruguaio Martim Silva.

 

O Bahia era muito melhor no jogo, com belíssima atuação de Gregore, Elber e Ramires e boa participação de Nilton e Gilberto, tocando a bola com tranqüilidade, envolvendo o sistema defensivo adversário e empilhando gols perdidos. Essa foi à tônica do jogo até o lance que mudou completamente a peleja.

 

Num lance bobo, até infantil, Grolli fura bisonhamente de cabeça um cruzamento à meia altura, deixando Andrés Rios de cara com Douglas. O Argentino consegue driblar o Arqueiro Tricolor, que o atinge de forma brusca, quase quebrando a perna do adversário. Pênalti marcado e expulsão. Na cobrança, Pikachu marcou. Vasco 1-0. Um detalhe passou despercebido da maioria. Pareceu ter havido um toque de mão do atacante vascaíno no início da jogada.

 

Apesar da inferioridade numérica, o time de EM continuou melhor no confronto. Sempre com a bola no chão, levava mais perigo que o time mandante. E num desses avanços, Elber recebeu de Ramires e enfiou para Gilberto. O matador dominou, trouxe para dentro e bateu forte. A bola desviou e enganou o goleiro do Vasco. 1-1.

 

Na segunda etapa o jogo ficou mais parelho. Poucas emoções de parte a parte, com ampla vantagem das defesas sobre os ataques. Nilton quase desempatou, em boa jogada dentro da área. E foi uma jogada do volante tricolor, capitão do time, que deu início ao gol vascaíno.

 

Numa bola que ele procurava lançar Ramires, Pikachu conseguiu cortar e iniciar o ataque adversário. A bola foi para a ponta direita do ataque, com Kelvin sendo marcado por Flávio e Léo. Ele devolve para trás e Pikachu consegue cruzar para a área, num verdadeiro balão de São João. A bola viaja, o infeliz goleiro reserva do Bahia não sai do gol e Nino, pra variar, não consegue cortar o cruzamento. Marrone cabeceia quase no meio do gol, mas novamente o inseguro goleiro aceita. Vasco 2x1.

 

Depois, somente algumas tentativas pífias de empate do time tricolor, sem sucesso. No fim, Vasco 2x1 Bahia e a lanterna do rebaixamento acesa.

 

Douglas – O goleiro tricolor é muito bom. Passa segurança com belas defesas. Mas é muito azarado. Precisa de um banho de folha e sal grosso urgente. Não é possível que seja expulso, sofra lesões seguidas e não consiga ter uma seqüência.

 

Nino – Parece que joga sozinho, sem qualquer compromisso coletivo. Não comprometeu no primeiro tempo, mas quase entrega na segunda etapa, com um lance de mão ridículo que Vuaden considerou involuntário. Falha no gol, ao não se antecipar ao atacante vascaíno.

 

Grolli – Partida bem ruim, muito insegura e deixando Maxi com muita liberdade. Falhou feio no 1. Gol.

 

Everson – Bastante intranqüilo, errando domínios de bola e chutando de forma aleatória. Uma atuação bem abaixo do potencial que aparenta ter.

 

Léo – Já entrou cansado. Não consigo compreender o porquê dessa insistência, já que nada faz em campo. Além disso, no lance do 2. gol marcava Kelvin e abandona a marcação, ficando no canto da área sem qualquer função. Pífio.

 

Gregore – Fez uma grande partida. Muita força, marcação e boa chegada ao ataque. Cada vez mais se consolida como ídolo da torcida.

 

Nilton – Fez um belo 1. Tempo. Distribuiu bem o jogo, cortou bolas pelo alto e por baixo. Na segunda etapa, cansou e esteve envolvido no início da jogada que originou o segundo gol do Vasco. Deveria ter sido substituído antes, pois aparentava cansaço.

 

Ramires – Matou a pau. Fez uma bela partida. Deu muito trabalho a defesa adversária e quase marcou um gol logo no primeiro lance da partida. Vai nos ajudar muito. Precisa trabalhar os passes de primeira com a perna esquerda, pois no primeiro tempo teve 2 oportunidades de municiar Gilberto e prendeu a bola.

 

Elber – Sua melhor partida no Bahia. Marcou, atacou, ganhou todas do lateral esquerdo do Vasco e saiu extenuado. Tem 05 assistências no campeonato e hoje não pode ser reserva, ainda mais pela péssima fase de Marco Antônio e Edigar.

 

Paulinho – Não foi mal, mas foi sacrificado pela expulsão de Douglas. Deveria ter ficado e assumido a lateral esquerda. Demonstra ter mais qualidade técnica que Léo.

 

Gilberto – Impossível não querer sua permanência no time por muitos anos. Além de fazer gols, luta, dá o sangue pelo time e sabe jogar com a bola no pé. O Bahia precisa gastar dinheiro e ficar com ele.

 

Fernando Bocão – Esse rapaz é goleiro? Inseguro, mal posicionado, medroso e ainda por cima lerdo. Me lembrou Alex Guimarães, pela insegurança passada. Jogador fraco e mal avaliado para o Sub23. Segunda partida que entra e que causa insegurança. Prefiro Dejair como o reserva de Douglas.

 

Flávio – Entrou e nada fez. Correu feito um peru, sem posição fixa e totalmente perdido em campo. Ainda participa do lance do gol, sendo que não conseguiu desarmar um jogador canhoto, pela direita, de costas para o gol.

 

Marco Antônio – Sinceramente, deveria ser afastado do time. Não tem força, não tem velocidade. Parece que vive em outro mundo, tamanha a incapacidade de executar dribles e jogadas de ataque. Até a bola parada, que antes era uma de suas características, se perdeu. Tem muito potencial, mas não está sabendo aproveitar as chances que recebe.

 

EM – Montou um time que foi bem no 11 contra 11. Depois, manteve uma estrutura interessante até ter que mexer no time. Fez a leitura errada, pois se ele queria fechar o time colocando Flávio, que o fixasse do lado esquerdo para ajudar Léo na marcação de Pikachu, G. Augusto e Kelvin. Além disso, Nilton dava sinais de cansaço e poderia ser substituído também. Precisa dar mais oportunidades à Claiton, visto que Edigar e Marco Antônio se arrastam. Vinícius e Allione precisam ser recuperados para ajudar nessa reta final, que teremos 4 finais em casa e 3 fora e precisamos ganhar 6 jogos para escapar da série B.

Outras colunas
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.